Audiência pública discutiu direitos dos quilombolas em Arapoti

23/07/2016 12:480 comments

Arapoti – Na noite desta sexta-feira, 22, no Fórum Municipal aconteceu Audiência Pública com o objetivo de discutir “o direito dos remanescentes de quilombos da Fazenda Boa Vista de acesso à terra”. O encontro foi conduzido pelo promotor público, Dr. Eduardo Henrique Germano, e contou com a presença do deputado estadual Péricles de Mello (PT), do presidente da Câmara, Wesley Ulrich, o Lelo (PSD), do chefe de gabinete Edilson Corsini, representando o prefeito Braz Rizzi (DEM) e demais vereadores e representantes de entidades.

IMG_20160722_193019816_HDR

A comunidade negra, remanescentes dos quilombolas, descendente de escravos, marcou presença em grande número. Eles lutam pelo direito de acesso ao local que conta com o cemitério dos escravos e outras antigas construções, como a Casa Grande e uma capela.

“Existe um inquérito civil público instaurado pelo Ministério Público de Arapoti, pois as construções dentro da área desta Fazenda Boa Vista foram consideradas patrimônio histórico nacional. Existem muitas pessoas da comunidade negra que gostariam de ter acesso a este local e até mesmo o direito a propriedade. Até por isso convocamos esta audiência para ouvir, além da comunidade negra, toda a sociedade de Arapoti” afirmou o promotor Dr. Eduardo.

O presidente da Câmara destacou a luta dos remanescentes. “Nós estamos aqui para dar o nosso apoio a esta causa. Vocês estão de parabéns por lutar dignamente pelos seus direitos. Nós vereadores colocamos à disposição o nosso Legislativo para o que for necessário. Tenho certeza que está será uma luta vitoriosa” afirmou Lelo. As soluções apresentadas durante a audiência servirão para embasar os próximos passos em relação a questão.

IMG_20160722_190806701