Com um jogador a menos, Atlético empata com Ceará na Copa do Brasil

01/03/2018 10:090 comments
O Atlético Paranaense entrou em campo na noite desta quarta-feira (28), pela partida de ida da terceira fase da Copa do Brasil. Jogando com um a menos desde o início da primeira etapa, o Furacão empatou sem gols com o Ceará, no Caldeirão.
O jogo de volta entre as duas equipes, que define quem avança na competição, acontece no próximo dia 15 [quinta-feira], no Castelão, em Fortaleza (CE). O duelo está marcado para as 21h30.
O jogo
A primeira chegada do Furacão foi aos seis minutos, com Rossetto. Ele arriscou de fora, mas a bola passou ao lado do gol. Depois, aos dez, Carleto cobrou falta na segunda trave e Raphael Veiga desviou para fora.
Aos 23 minutos, o árbitro expulsou de forma equivocada o zagueiro Thiago Heleno, após uma falta no círculo central do gramado.
Guilherme, aos 25′, recebeu de Jonathan na entrada da área, ajeitou e bateu para o gol. A bola desviou na defesa e saiu em escanteio.
O Ceará levou perigo com Felipe Azevedo, aos 30’. Ele recebeu no meio campo e arriscou de longe. A bola passou com perigo, por cima do gol defendido por Santos.
Aos 36’, Carleto mostrou a qualidade de sua bola parada. Ele cobrou falta de longe, uma bomba, e o goleiro espalmou.
Na segunda etapa, a primeira chance também foi com Carleto, com o mesmo roteiro da cobrança de falta anterior. Bola forte e defesa do goleiro. No rebote, a zaga afastou o perigo, aos cinco minutos.
Aos nove, Santos fez uma ótima defesa após chute de fora da área. Ele foi buscar no alto e mandou para escanteio.
Carleto apareceu novamente aos 11’, mas dessa vez na defesa. Felipe Azevedo foi lançado, driblou Santos e tocou para o gol vazio. O lateral se recuperou bem e mandou para escanteio, evitando o gol adversário!
Nikão quase inaugurou o marcador aos 30’. Ele teve espaço no meio campo e arriscou de fora. A bola passou à direita do gol.
Felipe Azevedo era quem mais criava pelo lado do Ceará. Ele bateu de fora aos 33 minutos e Santos defendeu em dois tempos.
O gol quase saiu aos 40’. Nikão cruzou na segunda trave e Pablo apareceu para cabecear. A bola chegou a tocar na rede, mas pelo lado de fora.
Nos acréscimos da partida, após bola cruzada na área, a equipe do Ceará chegou a marcar o gol, invalidado por um toque de mão no lance.
Arbitragem: Atlético Paranaense 0x0 Ceará
Copa do Brasil: Terceira fase – Jogo de ida
Data: 28/02/2018 [quarta-feira]
Horário: 21h30
Local: Estádio Atlético Paranaense, em Curitiba
Árbitro: Flavio Rodrigues de Souza (CBF-SP)
Auxiliares: Anderson José de Moraes Coelho (CBF-SP) e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (CBF-SP)
Quarto árbitro: Fabio Filipus (CBF-PR)
Público total: 9.511
Público pagante: 8.646
Renda: R$139.565,00
Atlético Paranaense: Santos; Wanderson, Pavez e Thiago Heleno; Jonathan, Rossetto, Raphael Veiga (José Ivaldo, aos 18’ do 2ºT) e Carleto; Nikão, Guilherme (Pablo, aos 37’ do 2ºT) e Bergson (Felipe Gedoz, aos 28’ do 2ºT).
Técnico: Fernando Diniz
Cartão amarelo: Pablo
Cartão vermelho: Thiago Heleno
Ceará: Éverson; Pio, Valdo, Luiz Otávio e Rafael Carioca; Richardson, Juninho e Wescley (Luidy, aos 18’ do 2ºT); Andrigo (Ricardinho, aos 37’ do 2ºT), Elton (Arthur Cabral, aos 28’ do 2ºT) e Felipe Azevedo.
Técnico: Marcelo Chamusca
Cartões amarelos: Rafael Carioca e Éverson