Jaguariaíva perde Dona Zeni Pivovar

07/05/2018 18:130 comments

Zeni Ferreira Pivovar, ou simplesmente “Dona Zeni” como era carinhosamente chamada pelos amigos nasceu na Fazenda Cilada, município de Jaguariaíva, Estado do Paraná no dia 19 de junho de 1927. Era filha de Judith e Juvenal Ferreira da Luz.

Cursou o primário em Jaguariaíva e, posteriormente, o curso ginasial o fez no Colégio São José, no município de Castro, Estado do Paraná, onde estudou até a segunda série, sendo então nomeada professora do antigo curso primário em 1949.

No ano seguinte, em 10 de novembro de 1950, contraiu matrimônio com o jovem Frederico Pivovar e após o nascimento de seu primeiro filho, deixou sua profissão para dedicar-se integralmente as afazeres do lar.

Adiante, em 1961 seu esposo faleceu num trágico acidente, deixando-a viúva em com oito filhos pequenos. Porém, com muita força de vontade e plena coragem, o que nunca lhe faltou, Zeni voltou aos trabalhos do magistério, vindo lecionar na Escola Rural do Bairro Cachoeira, Distrito de Eduardo Xavier da Silva, município de Jaguariaíva.

Dez anos depois, em 1971, completou o curso ginasial e, graças à sua integral dedicação e apesar de todas as dificuldades encontradas, formou-se professora pela Escola Normal Colegial Paula Gomes no ano de 1974. Aposentou-se como professora de 1º grau no ano de 1985, tendo sido, por muitos anos, professora da Escola Estadual Olavo Bilac (hoje Colégio Estadual).

Exemplo de amor maternal dedicou-se inteiramente aos seus filhos, sendo estes: Antônio, Jucélia, Ignes, João (falecido), Zulméia, Lúcia, Judite e Rosa.

Seus filhos, genros, noras, netos e bisnetos sentiam por ela um amor incondicional, além de pleno orgulho, pois foi uma matriarca que, apesar das dificuldades da vida, soube educar e fortalecer sua família no caminho do bem e da retidão de caráter.

Dona Zeni faleceu aos 90 anos de idade, no dia 6 de maio de 2018, no município de Jaguariaívae teve o seu corpo sepultado no Cemitério Municipal Cristo Rei.

Por Rafael Pomim