Polícia prende homem que matou e colocou fogo no corpo do amante da esposa

17/08/2018 10:300 comments

Sengés – Nesta quinta-feira, 16, a Polícia Civil esclareceu um crime brutal ocorrido na noite anterior. Um corpo carbonizado foi encontrado a beira do Rio Navio em Sengés. A vítima foi identificada pelo irmão. Claudinei Alves dos Santos tinha 37 anos e, segundo a Polícia, foi morto pelo marido de sua amante, um homem de 32 anos. O autor confessou o crime e foi preso na tarde desta quinta-feira por homicídio triplamente qualificado.

Segundo o delegado Derick Moura Jorge, o marido traído já sabia do caso extraconjugal da esposa. “Ao confrontá-la, a mulher afirmou que havia terminado com o amante. Porém, ele não acreditou na esposa e a seguiu na noite de quarta-feira e flagrou-a subindo na motocicleta com o amante. Ele pegou alguns itens como faca e galão com gasolina e foi até o local aonde a esposa estava com a vítima” explicou o delegado.

Ao chegar no Rio Navio, um ponto de encontro de casais do município, o marido atacou o amante com uma faca, desferindo três golpes contra a vítima. Na sequência, ele desferiu várias pauladas na cabeça do amante e, por fim, ainda jogou combustível e acendeu o fogo, matando a vítima. “Ele confessou o crime e admitiu que pensou também em matar a própria esposa, mas que pensou nos filhos do casal” disse o delegado.

O homem está preso e responderá por homicídio triplamente qualificado, por motivo fútil, o uso de fogo e meio cruel, além da impossibilidade de defesa da vítima. “Gostaria de destacar o amplo apoio conjunto da Polícia Militar e da Polícia Civil que foi decisivo para o esclarecimento do crime em 24 horas” concluiu Derick.