Tropeiros refazem rota entre Cruz Alta e Barretos e escolhem Jaguariaíva como parada

11/07/2019 15:080 comments

Jaguariaíva – Nesta semana Jaguariaíva recebeu a visita de um grupo de tropeiros, moradores de São Paulo, que estão refazendo a rota dos tropeiros no Sul e Sudeste do Brasil, em um projeto batizado de “Resgatando a tradição de Cruz Alta a Barretos”.

Glaucio Gomes Nascimento, o filho João Gabriel de Oliveira Nascimento, de 10 anos, o irmão Haroldo Gomes do Nascimento e o amigo da família Gustavo Pereira Paloni estão juntos nesta “empreitada”, com destino a Barretos. A visita foi acompanhada pelo secretário municipal de Indústria, Comércio e Turismo, Pedro Delgado, também do diretor de Turismo Edson Luiz Scherer e do secretário de Comunicação Social, José Amilton Romão.

O trajeto de Glaucio e Haroldo, como referencia o projeto, começou em Cruz Alta, no Rio Grande do Sul, de onde já percorreram cerca de 1.500 km até a parada em Jaguariaíva, município em que o grupo fez questão de fazer uma parada de três dias por remeter às tradições da cultura tropeira.

Devido à escola e as aulas na universidade, Gustavo e João Gabriel embarcaram depois dos irmãos Nascimento, mas estiveram juntos na visita às terras jaguariaivenses, onde conheceram pontos turísticos do município como o Lago Azul, a Pedra da Santa, Vale do Codó e o famoso reduto dos tropeiros, o Parque Rui Cunha, preservado baú de tesouros para os amantes do tropeirismo.

A peregrinação começou no dia primeiro de junho e está sendo feita com quatro mulas e um caminhão de apoio. De acordo com Glaucio, intervalos a cada 45km de cavalgada foram estabelecidos, para não esgotar a tropa.

O líder da tropa garante que no próximo ano trará mais 35 mulas e outros tropeiros para refazer o trajeto e passar novamente por Jaguariaíva, onde ele deseja criar um ponto de encontro de tropeiros de todo Brasil.

Munidos com câmeras e com mais de 1,3 mil expectadores no Instagram, Glaucio registra todos os momentos da viagem na rede social e não poupou elogios para as belezas das terras jaguariaivenses.

A peregrinação deve terminar no dia 13 agosto, quando chegam em Barretos para a tradicional festa do peão.

O empresário do ramo de hortifruti segue viagem colecionando histórias e, entre elas, estará Jaguariaíva, a melhor do Paraná.

Assessoria de Comunicação