Governo do Paraná determina suspensão das aulas de escolas e universidades públicas

16/03/2020 18:250 comments
Governo do Paraná determina suspensão das aulas de escolas e universidades públicas

O Governo do Paraná apresenta nesta segunda-feira (16) as principais medidas adotadas para o enfrentamento da epidemia do coronavírus no Estado. Contidas em decreto assinado pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior, as medidas reduzem as possibilidades de contato entre as pessoas para conter a propagação do vírus, determinam ações específicas no âmbito da Saúde, ampliam a proteção a servidores incluídos em grupos de risco e fortalecem ações nas fronteiras do Estado. Confira as medidas:

Ficam suspensas, por tempo indeterminado, a partir da próxima sexta-feira (20), as aulas em escolas públicas, assim como nas universidades estaduais.

A partir desta segunda-feira (16), ficam suspensas as visitas a teatros, cinemas, bibliotecas, museus e outros eventos artísticos e culturais, por tempo indeterminado; as visitas a hospitais, penitenciárias e centro de socioeducação, por tempo indeterminado; os eventos públicos ou particulares, de qualquer natureza, com reunião de público acima de 50 pessoas.

Ficam suspensas as férias e licenças de servidores da Secretaria da Saúde, da Secretaria da Segurança Pública e Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil, a partir de 23 de março.

Será concedido regime de trabalho remoto ou escalas diferenciadas e adoções de horários alternativos nas repartições públicas. Nesse ponto, será obrigatório o trabalho remoto aos servidores públicos acima de 60 anos, com doenças crônicas, problemas respiratórios, gestantes, lactantes; e aos servidores que apresentarem quaisquer dos sintomas do COVID-19 e regressos de localidades onde o surto tenha sido reconhecido, no prazo de 14 dias. Na impossibilidade técnica de conceder trabalho remoto a esses servidores, os mesmos deverão ser afastados de suas atividades sem prejuízo da remuneração ou subsídio.

Ficam dispensados, sem prejuízo na remuneração, todos os estagiários no âmbito da administração direta, autárquica e fundacional do Estado.

Os diretores dos órgãos e entidades deverão reavaliar a necessidade da permanência ou a diminuição dos empregados de empresas terceirizadas que prestam serviço para administração.

A Secretaria da Fazenda fará contingenciamento do orçamento para que os esforços financeiro-orçamentário sejam redirecionados para a prevenção e combate do COVID-19.

A Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba (Comec) deverá adotar medidas de profilaxia e expedição de recomendação no âmbito do transporte público coletivo.

O Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar) estudará a possibilidade de direcionar sua linha de produção para fabricação de álcool em gel a ser adquirido pela administração direta e indireta do Poder Executivo.

A administração direta, autárquica e fundacional do Estado deverá disponibilizar álcool em gel em todas as repartições públicas.

Os órgãos e entidades da administração pública estadual deverão aumentar a frequência de limpeza dos banheiros, elevadores, corrimãos e maçanetas, além de instalar dispensadores de álcool em gel nas áreas de circulação e no acesso às salas de reuniões.

O Estado poderá adotar as seguintes medidas: isolamento, quarentena, exames médicos, testes laboratoriais, coleta de amostras clínicas, vacinação e outras medidas profiláticas, tratamentos médicos específicos e estudos ou investigação epidemiológica.

Os órgãos e entidades da administração pública estadual e municipal deverão compartilhar dados essenciais à identificação de pessoas infectadas ou com suspeita de infecção, assim como as pessoas jurídicas de direito privado quando os dados forem solicitados por autoridade sanitária.

As secretarias de Saúde, Agricultura e Segurança Pública vão desenvolver operação nas fronteiras do Estado para orientação, averiguação e monitoramento da movimentação de pessoas nos limites geográficos estaduais.

Agência Estadual de Notícias

Paraná tem 6 pacientes infectados com coronavírus, confirma o Ministério da Saúde

12/03/2020 11:440 comments
Foto: Pixabay/Tribuna do Paraná

O Ministério da Saúde confirmou seis casos de coronavírus no Paraná nesta quinta-feira (12).  O estado agora tem 46 casos suspeitos sendo avaliados e 27 foram descartados. Não foi informado de quais cidades são os seis pacientes infectados no Paraná. No Brasil, são 73 casos confirmados até o fima da manhã desta quinta.

No fim da manhã desta quinta, a Secretaria Estadual de Saúde (Sesa) dá entrevista coletiva para anunciar os casos. Quarta-feira (11), um hospital de Curitiba deu positivo para dois pacientes, cuja confirmação ou não de coronavírus será dada na coletiva, após exame do Laboratório Central do Estado (Lacen).

Fonte: Tribuna do Paraná

Foto: Pixabay/Tribuna do Paraná

Paraná tem um caso com indicação de coronavírus e investiga 48 suspeitos

11/03/2020 17:260 comments
Paraná tem um caso com indicação de coronavírus e investiga 48 suspeitos

A Secretaria de Estado da Saúde descartou sete casos de coronavírus nesta quarta-feira (11). Os suspeitos eram de Cascavel (2), Curitiba (3) e Londrina (2).

A pasta também adicionou sete outros suspeitos em: Cascavel (1), Curitiba (4), Foz do Iguaçu (1) e Guarapuava (1).

Ao todo o Paraná tem 49 suspeitos. Entre eles há um morador de Curitiba, que foi atendido em um hospital particular e fez exames em laboratório da rede privada com indicação de positivo para a doença.

Exames de contraprova estão sendo realizados pelos laboratórios credenciados e a pessoa está em isolamento domiciliar.

Veja a nota oficial do caso AQUI

PANDEMIA – A Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou nesta quarta-feira (11), pandemia de Covid-19 (doença causada pelo novo coronavírus). Segundo o órgão, o número de pacientes infectados, de mortes e de países atingidos deve aumentar nos próximos dias. Pandemia é o termo que se refere ao momento em que uma doença já está espalhada por diversos continentes com transmissão sustentada entre as pessoas.

Agência Estadual de Notícias do Paraná

Paraná tem 33 casos de coronavírus em investigação

10/03/2020 10:010 comments
Foto: Daniel Castellano / SMCS

De acordo com boletim divulgado nesta segunda-feira (09) pela Secretaria de Estado da Saúde, há 33 casos suspeitos de coronavírus no Paraná. Desde o informe divulgado na sexta-feira (06), sete foram descartados nas cidades de Curitiba (2), Foz do Iguaçu (2), Maringá (2) e Londrina (1) e outros 15 suspeitos foram registrados. Desde o início do monitoramento, em janeiro, são 53 casos investigados no Paraná e 20 descartados. Nenhum caso foi confirmado.

Foto: Daniel Castellano / SMCS

Os novos casos suspeitos estão em Curitiba (8), Foz do Iguaçu (1), Londrina (2) e Ponta Grossa (4).

A secretaria estadual informa que, a partir de agora, o método de divulgação de casos em investigação terá somente a Regional de Saúde, o município e o número de casos descartados e/ou suspeitos em análise, não mais dados adicionais, como datas, históricos de viagens e coleta de amostra, entre outros. A mesma metodologia já é utilizada em boletins semanais como o da febre amarela.

A mudança é necessária devido ao alto número de notificações enviadas via sistema para a Secretaria de Estado da Saúde, o que inviabiliza a compilação diária.

As informações oficiais podem ser acessadas no boletim diário divulgado no site da secretaria ou diretamente AQUI . Os dados são compilados todos os dias até as 12 horas. Após este horário, qualquer nova informação será inserida no próximo boletim.

Agência Estadual de Notícias

Paraná tem oito casos suspeitos do novo coronavírus

06/03/2020 09:530 comments
Fernando Frazão/Agência Brasil

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) atualizou o boletim do coronavírus nesta quinta-feira (5). Um suspeito foi descartado e outros oito foram incluídos na lista. Ao todo o Paraná tem agora 20 suspeitos e nove descartados.

A suspeita descartada é uma mulher de 25 anos de Curitiba que esteve na Alemanha e França. A paciente foi diagnosticada com Influenza A.

Os novos casos estão localizados em Curitiba (5) e Londrina (3). Trata-se de quatro homens e quatro mulheres que estiveram nos Estados Unidos, Itália e Espanha. Três suspeitos que notificaram os sintomas em Curitiba não residem no Estado, dois deles são de Santa Catarina (uma mulher de 35 anos e um homem de 36 anos) e um mora nos Estados Unidos (homem de 42 anos).

As informações oficiais podem ser acessadas através do boletim diário divulgado no site da Sesa.

Fernando Frazão/Agência Brasil

Sicredi lança promoção “Poupar e Ganhar sem Parar”

05/03/2020 11:150 comments
Sicredi lança promoção “Poupar e Ganhar sem Parar”

Quase metade dos brasileiros (49%) têm como principal meta financeira de 2020 guardar dinheiro. A informação identificada no levantamento realizado pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) também aponta outras prioridades financeiras neste ano, como viagens (30%) ou a compra/reforma da casa (28%). “Para a realização de um objetivo é importante o planejamento orçamentário. Com uma reserva financeira fica mais fácil alcançar as metas traçadas a curto e longo prazos”, analisa a gerente de Desenvolvimento de Negócios da Central Sicredi PR/SP/RJ, Adriana Zandoná França.

Para incentivar o hábito de poupar, o Sicredi promove a partir deste mês a Promoção Poupar e Ganhar sem Parar nos estados do Paraná, São Paulo e Rio de Janeiro, que vai distribuir R$ 2,5 milhões em prêmios, o maior valor em cinco edições da campanha. A participação é muito simples: a cada R$ 100 de incremento líquido na poupança do associado, um número da sorte será distribuído – se as aplicações forem na modalidade programada (quando há o débito programado mensal para conta poupança do associado), as chances de ganhar são em dobro.

Durante a ação, que segue até dezembro, serão realizados sorteios semanais de R$ 5 mil, um sorteio especial de R$ 500 mil, em comemoração ao mês da poupança, em outubro, além do grande prêmio final R$ 1 milhão, entregue em dezembro de 2020.

Veiculada em rádio, TV, veículos impressos e na internet, a Promoção Poupar e Ganhar sem Parar traz o ator Otávio Müller interpretando uma adaptação da música “Sandra Rosa Madalena”, do cantor Sidney Magal, com versos que incentivam a economia de recursos financeiros para a realização de sonhos.

Poupança gera desenvolvimento

Considerada a modalidade de reserva financeira preferida entre os brasileiros, a poupança realizada em uma instituição financeira cooperativa traz benefícios tanto para o associado quanto para a comunidade onde a cooperativa atua. “Os recursos ajudam a subsidiar a concessão de crédito e gera o que chamamos de ciclo virtuoso para a economia. Além disso, no sistema cooperativo, o associado poupa e participa dos resultados gerados no final de cada ano”, explica Adriana. Na edição de 2019, a campanha proporcionou R$ 500 milhões de incremento anual na poupança do Sicredi nos estados do Paraná, São Paulo e Rio de Janeiro.

“A modalidade tem muitas vantagens e é uma boa opção para quem está começando a investir ou pretende planejar melhor o orçamento, mas não gosta de correr riscos. A modalidade oferece remuneração garantida, não incide tributação ou taxa de administração, além da disponibilidade de resgate imediato em caso de emergência”, finaliza Adriana.