quarta-feira, abril 21, 2021
Início ESPORTES Inter faz melhor jogo do ano, vence o Atlético-MG e é líder...

Inter faz melhor jogo do ano, vence o Atlético-MG e é líder isolado do Brasileirão

InterO líder do campeonato teve uma atuação, realmente, de líder do campeonato. Em uma partida praticamente perfeita, o Inter fez 2 a 0 no Atlético-MG, abriu três pontos do Palmeiras e vai para dois jogos fora de casa até com uma gordura acumulada.

Argel manteve o time que vinha treinando. Com Rodrigo Dourado no lugar de Fernando Bob e Geferson na vaga de Artur, montou um esquema que variava entre o 4-2-3-1 e o 4-1-4-1, cada vez que Fabinho se juntava à linha de frente no meio. Contra um Atlético-MG recheado de bons jogadores, mas sem química entre si, o líder do campeonato esbanjou organização e, principalmente, entrega.

Neste ritmo, fez uma etapa inicial empolgante. Amassou o Galo desde o início. Antes do primeiro minuto, Vitinho fez a parede e deixou para Alex, que encontrou Sasha. O camisa 9 viu Victor saindo e tentou por cobertura, mas a bola saiu por cima do travessão.

Aos oito minutos, Alex arriscou da intermediária e Victor espalmou para escanteio. Na cobrança, a zaga cortou mal, mas ninguém do Inter apareceu para empurrar a bola para o gol.

Melhor em campo, o Inter explorava o lado direito, onde William, mais uma vez, se destacava. Foi por lá que veio outra chance clara, aos 30. Após cobrança de falta pelo lateral, Ernando cabeceou, Victor espalmou para frente e Dourado jogou o rebote para fora.

No minuto seguinte, Sasha fez jogada pela esquerda e serviu Ferrareis, que arrematou para o gol. Vitinho empurrou para o gol, mas estava impedido.

A pressão era tanta que uma hora foi impossível para o Atlético-MG segurar. Aos 32, Vitinho, pela direita, recebeu, invadiu a área e chutou cruzado. No segundo pau, Sasha apareceu para concluir de perna esquerda com Victor já batido: 1 a 0.

Se o Atlético-MG teve seus únicos minutos de supremacia depois de levar o gol até o intervalo, a volta do segundo tempo foi igual ao início do primeiro. Pressão, dedicação, vontade e — a palavra da moda — intensidade determinaram um Inter sufocante, que mal deixava o adversário respirar. Com isso, pela primeira vez no campeonato, a torcida foi junto ao time. O Beira-Rio fez barulho e empolgou os jogadores. Duas oportunidades foram criadas, ambas em cobranças de escanteio, ambas foram por cima do gol.

Com a qualidade de estrela como Robinho, o Atlético-MG fez Danilo trabalhar em dois chutes do atacante de fora da área. Passado o susto, o Inter quase fez o segundo depois de Alex encontrar Sasha pelo lado esquerdo. Sasha entregou para Vitinho, mas o passe ruim dificultou o domínio e Rafael Carioca salvou.

A partir do crescimento do Atlético-MG, Argel colocou Anderson no lugar de Alex, para dar mais condução de bola. No Galo, Marcelo Oliveira tirou o lateral-direito Carlos César, recuou Patric e mandou a campo o atacante Clayton. Depois, tentou reorganizar o meio com Carlos Eduardo.

Nada adiantou. Argel, mais uma vez, ganhou o duelo tático. Um passe de Geferson achou Anderson entrando embalado. Em alta velocidade, ignorou a marcação adversária e deu para Vitinho, em sua última participação no jogo (entrou Aylon em seu lugar), vencer Victor e explodir o Beira-Rio.

Dali em diante, era só administrar. Marcando forte, só viu o Atlético-MG ter uma chance, mas Danilo Fernandes fez sua grande defesa da noite em jogada de Fred e conclusão de Robinho. Fora isso, foi só cantoria da torcida e olé dos colorados em campo.

Zero Hora

http://zh.clicrbs.com.br/rs/esportes/inter/noticia/2016/06/inter-faz-melhor-jogo-do-ano-vence-o-atletico-mg-e-e-lider-isolado-do-brasileirao-6029346.html#

- Advertisment -
- Advertisment - Tersane