segunda-feira, abril 12, 2021
Início ESPORTES Atlético Paranaense vira sobre a Chapecoense e chega aos 45 pontos no...

Atlético Paranaense vira sobre a Chapecoense e chega aos 45 pontos no Brasileirão

41808_14757167490_thumb-5-3O Atlético Paranaense pressionou a Chapecoense durante todo o jogo e conseguiu uma importante vitória, na noite desta quarta-feira (5), no estádio atleticano. Após sair atrás no marcador, o Furacão conseguiu a virada e venceu por 3 a 1, com gols de Hernani, Pablo e Matheus Rossetto. Agora, o Rubro-Negro soma 45 pontos no Campeonato Brasileiro 2016.

O próximo compromisso do Furacão será diante do Grêmio. O duelo está marcado para o dia 13 de outubro, às 21h, na Arena do Grêmio.

 

Jogo

O Atlético Paranaense criou a primeira chance logo no primeiro minuto de partida. Lucho González cobrou falta pelo lado esquerdo e Paulo André desviou de cabeça para a boa defesa do goleiro Danilo.

Oito minutos mais tarde, após boa triangulação pela direita, Lucas Fernandes cruzou na área e encontrou Lucho González na pequena área. Ele cabeceou e o goleiro Danilo praticou uma ótima defesa.

Aos 13 minutos, a Chapecoense puxou um contra-ataque com perigo. Na jogada, Thiago Heleno parou o lance com falta e foi advertido com cartão amarelo. Quatro minutos depois, Luan, lesionado, foi substituído por Matheus Rossetto.

No minuto seguinte, o adversário abriu o placar com Filipe Machado. Após cobrança de falta, a bola sobrou para o zagueiro, que desviou para o gol e abriu o placar.

Aos 40 minutos da primeira etapa, Lucas Fernandes driblou o marcador e foi derrubado dentro da área: pênalti para o Furacão. Na cobrança, Hernani deslocou o goleiro e empatou a partida. 1 a 1!

 

Segunda etapa

Em um começo bastante disputado, a primeira chance foi criada aos nove minutos. Lucas Fernandes foi derrubado próximo da área e o árbitro assinalou a falta. Nicolas bateu direto para o gol e Danilo espalmou.

Aos 11 minutos, Pablo pressionou o goleiro após um recuo errado da defesa adversária. Danilo afastou e Lucas Fernandes tentou o chute de primeira, mas a defesa fez o corte.

Aos 23 minutos, Hernani recebeu no lado esquerdo do campo de ataque, ajeitou e bateu forte para o gol. A bola passou por cima.

Dois minutos depois, Nicolas avançou pela esquerda e levantou a bola na área. Lucho González estava lá para cabecear, mas a finalização saiu pelo lado esquerdo.

No minuto 28 da segunda etapa, Hernani foi substituído após sentir. João Pedro entrou no lugar do meio-campista, autor do primeiro gol rubro-negro.

Aos 38 minutos, em escanteio cobrado com muita precisão, Pablo virou o jogo. 2 a 1!

Mesmo com vantagem no marcador, o Furacão continuou pressionando o adversário e chegou ao terceiro gol, aos 42 minutos. Pablo puxou contra-ataque e abriu para Lucas Fernandes, na esquerda. O atacante tentou o drible, mas foi desarmado. Foi aí que a bola sobrou para Matheus Rossetto, que soltou uma bomba de fora da área e acertou o ângulo do goleiro Danilo para marcar o terceiro. 3 a 1!

 

Ficha técnica: Atlético Paranaense 3×1 Chapecoense

Campeonato Brasileiro: 29ª rodada

Data: 05/10/2016

Horário: 19h30

Local: Estádio Atlético Paranaense, em Curitiba

Árbitro: Wagner Reway [MT, ASP-FIFA]

Auxiliares: Márcia Bezerra Lopes Caetano [SP, FIFA] e Fábio Rodrigo Rubinho [MT, ASP-FIFA]

Público: 12.292 presentes

Renda: R$ 138.695,00

 

Atlético Paranaense: Santos; Léo, Thiago Heleno, Paulo André e Nicolas; Otávio e Hernani (João Pedro, aos 28′ do 2º tempo); Lucho González (Guilherme Schettine, aos 32′ do 2º tempo), Lucas Fernandes e Pablo; Luan (Matheus Rossetto, aos 17′ do 1º tempo).

Técnico: Paulo Autuori

Gols: Hernani, aos 41′ do 1º tempo, Pablo, aos 38′ do 2º tempo, e Matheus Rossetto, aos 42′ do 2º tempo.

Cartão amarelo: Thiago Heleno, Lucas Fernandes

 

Chapecoense: Danilo; Gimenez (Lucas Gomes, aos 31′ do 2º tempo), William Thiego, Filipe Machado e Neto; Dener (Alan Ruschel, aos 17′ do 2º tempo), Gil, Matheus Biteco e Cleber Santana; Kempes e Thiaguinho (Ananias, aos 34′ do 2º tempo).

Técnico: Caio Jr.

Gol: Filipe Machado, aos 18′ do 1º tempo

Cartão amarelo: Dener, Filipe Machado e Gil.

- Advertisment -
- Advertisment - Tersane