domingo, janeiro 24, 2021
Início Notícias Locais Bruno Santos: De Arapoti para Dubai

Bruno Santos: De Arapoti para Dubai

Conheça como o jovem Bruno saiu de Arapoti como jogador de futebol e se tornou um bem-sucedido empresário do mundo da bola

Arapoti – Há quatro anos o jovem Bruno dos Santos estava afastado do futebol devido a uma séria lesão no joelho. Ele atuava na Bélgica e as perspectivas de recuperação não eram nenhum um pouco promissoras. Com apenas 23 anos, o atleta criado em Arapoti, estava com grandes possibilidades de ter que abandonar a carreira precocemente.

Mal sabia ele, que suas principais características, entre elas a simpatia, o carisma, a inteligência e a facilidade em se comunicar em diversas línguas, fariam com que a sua sorte começasse a mudar a partir deste drama. Com poucos anos de Europa, Bruno fez muitas amizades no meio futebolístico. Um de seus principais amigos era o meia, recém-contratado pelo Palmeiras, Michel Bastos, que à época atuava no Lille da França.

Coletivas de imprensa; uma rotina na vida de empresário da bola

Em uma das visitas ao amigo, Bruno conheceu um empresário que necessitava da indicação de atletas que atuavam no futebol belga para jogarem na França. Com o domínio de cinco idiomas (Português, Inglês, Espanhol, Francês e Holandês), e a habilidade na comunicação, não foi difícil para Bruno desenvolver o papel como intermediador.

Graças a esta boa primeira atuação, outros empresários e atletas começaram a requisitar o trabalho de Bruno na intermediação de negócios. Foi assim, meio que pelo acaso, que o arapotiense embarcou no mercado da bola. Outro trunfo decisivo para o sucesso na nova carreira, foi a busca por especialização. Na Bélgica formou-se em Comércio Exterior. Com pouco tempo, foi adquirindo expertise na área, o que levou a atuar em empresas como a ISM.

Bruno com o craque uruguaio Diego Fórlan: negociação milionária no acerto com o Mumbai City F.C.

Outro fator que contribuiu para a rápida adaptação na Europa e o desenvolvimento de sua nova função como empresário, foi a esposa Hanttaris Houtain, belga, filha de uma brasileira. Com vários fatores a favor, Bruno foi se destacando no mundo dos negócios. Vários jogadores foram passando por suas mãos, entre eles Victor Ramos que jogou pelo Palmeiras e atualmente está no Vitória.

Ao realizar uma negociação em Dubai, nos Emirados Árabes, o centro nervoso do mundo dos negócios do futebol, Bruno ficou deslumbrado com a cidade. Em contato com o Secretário de Turismo local, seu amigo, confessou que tinha desejo de morar e trabalhar em Dubai. Logo, o amigo o colocou em contato com um empresário indiano, interessado em investir em jogadores para a liga de seu país.

Sucesso lhe proporcionou conhecer os lugares mais fantásticos do planeta, entre eles, o deserto nos Emirados Árabes

O empresário se reuniu com Bruno e informou que precisava de uma pessoa com experiência nos negócios para administrar a sua empresa, a Get Pro, em Dubai. Ele fez o convite a Bruno, que não pensou duas vezes e aceitou o desafio. “O conhecimento adquirido nas negociações feitas na Europa, minha fluência em vários idiomas e minha formação na Bélgica foram decisivas para que eu fosse contratado” revelou Bruno.

Aos 27 anos, o precoce Bruno se tornou gerente da agência no início deste ano de 2016. A Get Pro administra transações principalmente com foco no mercado asiático. Bruno já foi o responsável por levar para a Índia Super League os treinadores Zico (ex-Flamengo) e Alexandre Guimarães (ex-Costa Rica), além do craque uruguaio Diego Fórlan, em uma negociação milionária com o Mumbay City F.C.

Com o ex-craque holandês Seedorf, hoje seguindo carreira como treinador

“Hoje posso dizer que sou uma pessoa realizada, fazendo aquilo que gosto” diz Bruno, que nos tempos de folga aproveita as “mordomias” que o seu novo status proporciona. Apesar de ter se tornado empresário da bola, ele não perde sua principal qualidade, a humildade. Neste fim de ano, voltou para visitar a família em Arapoti, os pais Zequinha e Silmara. “O que esses dois fizeram por mim não pode ser dimensionado. Sempre acreditaram no meu potencial” afirmou.

Neste mês de Janeiro, Bruno volta à Dubai para retomar os negócios depois de uma breve pausa no Brasil. Com o ânimo renovado, o arapotiense espera continuar a dar prosseguimento ao seu sonho.

- Advertisment -
- Advertisment - Tersane