sexta-feira, janeiro 22, 2021
Início ESPORTES Tricolor reage e empata com o Grêmio

Tricolor reage e empata com o Grêmio

Em noite de recorde da torcida são-paulina no Campeonato Brasileiro de 2017, com mais de 51 mil torcedores nas arquibancadas, e homenagens ao ídolo Waldir Peres, o Tricolor reagiu após ver o Grêmio abrir o placar na noite desta segunda-feira (24) e ficou no empate por 1 a 1 no confronto válido pela 16ª rodada.

Os gaúchos marcaram com Pedro Rocha, enquanto o jovem Lucas Fernandes anotou o gol são-paulino – o seu primeiro no Estádio Cícero Pompeu de Toledo. Com o resultado, o São Paulo conquistou o seu 16º ponto na competição nacional. No próximo final de semana, em busca da vitória, o Tricolor visitará o Botafogo no Rio de Janeiro.

Antes de a bola rolar, Hernanes e Marcos Guilherme subiram ao gramado para saudar os torcedores. A dupla foi muito ovacionada, e o meio-campista bicampeão brasileiro pôde matar a saudade de casa. Hernanes, criado no clube e de volta após sete temporadas, correu para o símbolo do Estádio Cícero Pompeu de Toledo para dar um beijo e foi bastante aplaudido pelos torcedores. Os dois, que fizeram os exames médicos nesta manhã, seguirão a programação da comissão técnica para poder estrear.

Para encarar os gremistas, o técnico Dorival Júnior não contou com Lugano (suspenso pelo terceiro cartão amarelo), Denis (aprimora a forma física após se recuperar de tendinite no ombro esquerdo), Aderllan (aprimora a forma física), Maicosuel (aprimora forma física), Morato (cirurgia no joelho direito) e Wellington Nem (trauma no ombro direito).

Dessa forma, o comandante escalou o time com Renan Ribeiro; Bruno, Arboleda, Rodrigo Caio e Edimar; Jucilei, Petros e Cueva; Marcinho, Lucas Pratto e Gomez. Já o adversário atuou com Marcelo Grohe; Edilson, Geromel, Kannemann e Cortez; Michel, Maicon, Arthur e Ramiro; Pedro Rocha e Luan. Antes do apito inicial, o minuto de silêncio em homenagem ao ídolo Waldir Peres virou minuto de aplausos e gritos com o nome do goleiro nas arquibancadas.

Quando o duelo começou, empurrado pela torcida, o São Paulo partiu para o campo de ataque e levou perigo aos 11 minutos: Jucilei recebeu na entrada da área, arriscou um belo chute, mas a bola passou por cima do gol de Grohe. O Tricolor buscava o gol quando foi surpreendido pelo rival aos 19: Pedro Rocha escapou em velocidade pela ponta, em contragolpe, e inaugurou o placar. 1 a 0.

Em busca do empate, o time são-paulino tentou responder, teve mais posse de bola para trabalhar as jogadas, mas não conseguia envolver a defesa gaúcha. O Grêmio respondia nas escapadas, mas apesar do ímpeto das duas equipes as redes não balançaram novamente no primeiro tempo.

Na volta para segunda etapa, Dorival mexeu na equipe para tentar mudar o panorama da partida: saíram Jucilei e Gomez para as entradas de Lucas Fernandes e Cícero. E as alterações do comandante funcionaram! Aos 18 minutos, Cueva lançou para Edimar na linha de fundo. O lateral cortou a marcação de Ramiro e cruzou para Pratto, que bateu firme. O arqueiro gaúcho espalmou e a bola sobrou para Lucas Fernanes, que aproveitou o rebote para empatar! 1 a 1 e muita festa do jovem meia, que marcou o seu primeiro gol no Morumbi!

Para tentar manter a reação do time, o treinador são-paulino colocou Gilberto, que herdou o lugar de Bruno – assim, Marcinho foi deslocado para a lateral direita. Aos 30, após roubada de bola da equipe, Arboleda pegou de primeira e arriscou do meio de campo: a bola passou por cima do travessão e assustou Marcelo Grohe. Na frente, ao lado de Pratto, Gilberto brigou para conquistar a vitória tricolor, mas os visitantes seguraram a pressão dos paulistas e o confronto terminou empatado: 1 a 1.

- Advertisment -
- Advertisment - Tersane