Libertadores: Começa a fase de grupos | Folha Paranaense
Libertadores: Começa a fase de grupos
27/02/2018 às 08:23

Com a estreia de três dos máximos vencedores e vários candidatos ao título, esta semana começa com treze jogos a fase de grupos da CONMEBOL Libertadores 2018, que se estenderá até o final de maio.

Independiente, com sete títulos, Boca Juniors (6) e Estudiantes de La Plata (4), juntamente com Peñarol (5), os principais vencedores da Copa, farão sua estreia em uma semana que promete confrontos emocionantes.

Outros favoritos como Corinthians, Cruzeiro e Rive Plate também entrarão em cena.

Jogos de terça-feira, 27 de fevereiro:

– Monagas x Cerro Porteño –

A partida Monagas x Cerro Porteño começará às 18h15m locais (22h15m GMT), com arbitragem do argentino Mauro Vigliano, assistido por seus compatriotas Ezequiel Brailovsky e Lucas Germanotta.

Dados:

Sem antecedentes em competições Conmebol

Monagas local

Ganhou uma das quatro partidas que disputou em torneios Conmebol, as outras três foram derrotas

Deportivo Táchira 3-0 e San Lorenzo 0-3 (Sul-Americana 2002), Deportivo Italchacao 1-2 (Sul-Americana 2003) e Liga de Loja 0-2 (Sul-Americana 2012)

Cerro Porteño visitante

Somente perdeu um dos últimos cinco jogos que disputou em competições Conmebol e foi o mais recente: Junior 3-1 (Copa Sul-Americana 2017)

Jogou em 12 ocasiões na Venezuela em forma oficial (5 – 5 – 2)

Os triunfos: Trujillanos 2-1 e Caracas 6-0 (Libertadores 1995), Deportivo Táchira 3-0 (Libertadores 2005), Deportivo Táchira 2-0 (Libertadores 2011) e Caracas 2-1 (Sul-Americana 2017)

Árbitro – Mauro Vigliano

Registra 13 partidas em Copa Libertadores

Debutou no torneio em 10 de abril de 2013: Corinthians 3 – San José 0

Não dirigiu de forma oficial o Monagas e uma vez o Cerro Porteño: Independiente Medellín 2-0 (Sul-Americana 2016)

 

– Defensor Sporting x Grêmio –  

O atual campeão, o Grêmio de Porto Alegre, inicia a defesa de seu título na terça em Montevidéu contra o Defensor Sporting na partida do Grupo 1. A partida será às 19h15m locais.

Dados:

Registram quatro antecedentes internacionais oficiais, sempre pela Copa Libertadores

O Defensor Sporting ganhou dois (2-1/1982 e 2-0/2007), o Grêmio um: 2-0 em 2007 com posterior triunfo por pênaltis 4-2 e o restante foi empate sem gols em 1982.

Defensor Sporting local

Bom rendimento em torneios Conmebol (29- 21 – 17)

Perdeu somente um dos últimos 10: Liga de Quito 2-1 (Sul-Americana 2017)

Balanço negativo recebendo equipes do Brasil em forma oficial (3 – 1 – 4)

Grêmio visitante

Leva cinco sem perder em competições Conmebol

A última derrota foi contra o Deportes Iquique 2-1 na Copa Libertadores 2017

O Uruguai sempre foi um lugar difícil para o Grêmio, que somente ganhou uma das 11 vezes que se apresentou no país: Nacional 1-0 (Cristian Riveros) na Copa Libertadores 2014

Árbitro – Fernando Rapallini

Será sua partida número 15 em torneios de clubes Conmebol

Oito delas em Copa Libertadores e duas nesta edição: Olímpia 2 – Montevideo Wanderers 0 e Vasco da Gama 4 – Jorge Wilstermann 0

Não dirigiu oficialmente o Defensor Sporting nem o Grêmio

 

– Racing Club x Cruzeiro –             

O jogo será na terça às 21h30m locais (00h30m GMT) no estádio Presidente Perón, em Avellaneda (periferia sul), e será arbitrado pelo colombiano Wilmar Roldán, assistido por seus compatriotas Alexander Guzmán e Cristian de la Cruz.

Dados:

Extenso histórico com 9 confrontos. Todos foram em um período de 11 anos (1988 a 1999)

O Cruzeiro ganhou quatro, Racing Club três e empataram dois.

Protagonizaram duas finais de Supercopa, com um título para cada um: Racing Club em 1988 e Cruzeiro em 1992

Racing Club local

Bom rendimento em competições Conmebol (40 – 20 – 17)

Perdeu um dos últimos 10 que disputou: Boca Juniors 1-0 (Nicolás Lodeiro) na Copa Libertadores 2016

Balanço positivo recebendo em forma oficial equipes do Brasil (7 – 4 – 5)

Leva quatro sem triunfos contra eles. A última vitória foi contra o Corinthians 1-0 (Facundo Villalba) na Copa Mercosul 1998

Cruzeiro visitante

Disputou 132 jogos em torneios Conmebol (43 – 31 – 58)

Ganhou oito das 37 vezes em que se apresentou em forma oficial na Argentina, com quatro empates e 25 derrotas

Tem dois êxitos em seus últimos 10 encontros lá: Estudiantes 3-0 (Libertadores 2011) e River Plate 1-0 (Libertadores 2015)

Árbitro – Wilmar Roldán

Tem 80 jogos em torneios de clubes Conmebol

Em Copa Libertadores esteve presente em 59

Dirigiu duas vezes o Racing Club: Montevideo Wanderers 2-1 (Libertadores 2015) e Ríonegro Águilas 1-1 (Sul-Americana 2017) e em duas ocasiões o Cruzeiro: Vélez Sarsfield 3-0 (Libertadores 2010) e River Plate 0-3 (Libertadores 2015)

 

– Colo Colo x Atlético Nacional  –

O jogo será no estádio Monumental de Santiago a partir das 21h30m (00h30m GMT da quarta-feira) e será apitado pelo brasileiro Wilton Sampaio e sus compatriotas Emerson de Carvalho e Marcelo Van Gasse.  

Sem confrontos internacionais oficiais

Dados:

Colo Colo local

De seus últimos 15 encontros em competições Conmebol somente perdeu três: Cerro Porteño 3-2 (Libertadores 2011), Deportivo Pasto 2-0 (Sul-Americana 2013) e Santa Fe 3-0 (Libertadores 2015)

Balance negativo ao receber equipes da Colômbia de forma oficial (2 – 2 – 3)

Suas vitórias: Deportivo Cali 1-0 (Libertadores 1999) e Independiente Medellín 2-1 (Libertadores 2003)

Atlético Nacional visitante

Em torneios Conmebol acumula quatro derrotas consecutivas e 10 sem ganhar

A última vitória foi em 11 de agosto de 2016 contra o Deportivo Municipal 5-0 na Copa Sul-Americana

Não conseguiu ganhar no Chile de forma oficial sobre sete apresentações: dois empates e cinco derrotas

Árbitro – Wilton Sampaio

Registra 20 partidas em torneios de clubes Conmebol

Doze delas em Copa Libertadores

Não dirigiu de forma oficial o Colo Colo nem o Atlético Nacional.

Deixe seu comentário