quinta-feira, julho 29, 2021
Início ESPORTES Corinthians vence com gol de bola parada. Paraná reclama da falta de...

Corinthians vence com gol de bola parada. Paraná reclama da falta de critério do juiz

O Paraná Clube não jogou mal, mas novamente pecou nos detalhes – deixou o Itaqueirão reclamando da arbitragem – e perdeu para o Corinthians (1×0), na noite deste sábado (25). O resultado mantém a equipe na 20ª colocação, agora a 6 pontos de distância para o primeiro time fora do Z4. Henrique, de cabeça, marcou o único gol do jogo, que teve chances para os dois lados, bolas nas traves e muita transpiração.

Logo no primeiro lance, numa boa tabela pela esquerda, Caio Henrique cruzou, mas a zaga tirou antes do cabeceio de Grampola. A resposta do Corinthians veio com Jadson, que exigiu uma grande defesa de Richard. A bola ainda foi na trave e voltou nos braços do goleiro paranista. O clima esquentou aos 15 minutos. Douglas agrediu Leandro Vilela e o árbitro deu apenas cartão amarelo. Por reclamação no lance, Alex Santana também acabou advertido.

O melhor momento do Paraná veio na sequência. De bicicleta, Rafael Alemão exigiu grande defesa de Cássio. No lance seguinte, foi a vez de Caio Henrique. O meia bateu forte, no alto, e o goleiro esticou-se todo para mandar a bola pela linha de fundo. Aproveitando que o Timão não se encontrava, Leandro Vilela mandou de fora da área, para mais uma defesa de Cássio (que se machucou no lance). Só que aos 35 minutos, o Corinthians foi mortal.

Na cobrança de escanteio de Jadson, Henrique subiu mais que a zaga tricolor e acertou o ângulo esquerdo: 1×0. Cássio saiu para a entrada de Walter e o Paraná voltou a questionar os critérios (ou a falta deles) do árbitro goiano André de Freitas Castro. Clayson, que já tinha amarelo, deixou o braço no rosto de Renê Santos. A falta foi marcada, mas nada de cartão.

No início do segundo tempo, o Corinthians foi só pressão. Com a entrada de Nadson no lugar de Raphael Alemão, Claudinei reequilibrou a equipe. Mais uma vez, o Paraná reclamou do apito. O volante Douglas, que já tinha amarelo, deu um carrinho faltoso em Grampola, mas nada de pintar o segundo amarelo. O Paraná  conseguiu uma boa finalização com Alex Santana, aos 27, mas Walter fez a defesa. Logo depois, o juiz expulsou Leandro Vilela, que já tinha amarelo, pois uma falta próximo à bandeirinha de escanteio.

É difícil entender o critério adotado. Lances parecidos, para um vem punição, para o outro não”, lamentou Claudinei. “É claro que não foi só isso. Erramos também. Mas, situações como essa minam o time durante o jogo”. O treinador agora terá uma semana para preparar o time, que volta a campo no domingo (02), para encarar o Sport, na Ilha do Retiro.

 

Corinthians 1×0 Paraná Clube

Corinthians: Cássio (Walter); Fagner, Henrique, Pedro Henrique e Danilo Avelar; Ralf, Douglas e Jadson (Angelo Araos); Pedrinho, Roger e Clayson (Mateus Vital). Técnico: Osmar Loss.

Paraná: Richard; Diego Tavares, Cléber Reis, Renê Santos e Igor; Leandro Vilela, Alex Santana (Rodolfo) e Caio Henrique; Raphael Alemão (Nadson), Rafael Grampola (Jhonny Lucas) e Silvinho. Técnico: Claudinei Oliveira.

Local: Arena Corinthians (São Paulo-SP)

Árbitro: André Luiz de Freitas Castro (GO)

Assistentes: Fabrício Vilarinho da Silva (GO) e Bruno Raphael Pires (GO)

Renda: R$ 1.019.205, 58

Público pagante: 28.136

Público total: 28.375

Gol: Henrique aos 35’ do 1º tempo

Cartões amarelos: Douglas, Clayson e Fagner (Corinthians). Alex Santana, Raphael Alemão e Silvinho (Paraná)

Expulsão: Leandro Vilela aos 30’ do 2º tempo

- Advertisment -
- Advertisment - Tersane