segunda-feira, setembro 20, 2021
Início ESPORTES Palmeiras vence Grêmio e amplia vantagem na liderança

Palmeiras vence Grêmio e amplia vantagem na liderança

O Palmeiras recebeu o Grêmio no Pacaembu na tarde deste domingo (14) e venceu por 2 a 0, com gols de Deyverson, um em cada etapa da partida. O resultado fez com que o Alviverde somasse 59 pontos na tabela e abrisse três pontos de vantagem em relação ao vice-líder, Internacional, com 56.

O goleiro Fernando Prass, da SE Palmeiras, em jogo contra a equipe do Grêmio FBPA, durante partida valida pela vigésima nona rodada, do Campeonato Brasileiro, Série A, no Estádio do Pacaembu.

Ao conseguir balançar a rede duas vezes contra o Grêmio, o Verdão alcançou a expressiva marca de 100 gols diante do rival gaúcho em jogos do Campeonato Brasileiro. Entre os tentos já anotados, oito deles foram de jogadores do atual elenco palestrino: Willian, Dudu e Deyverson (duas vezes cada), além de Moisés e de Thiago Santos (uma vez cada).

Coletivamente, o time palmeirense ficou por mais uma partida sem saber o que é sofrer gol, algo que se repete pela 16ª vez nesta nova ‘Era Felipão’, tendo sofrido, ao todo, apenas seis tentos nos últimos 22 jogos (a conta inclui uma partida sem ser vazada de cada um dos interinos Wesley Carvalho e Paulo Turra). Vale lembrar que, entre julho e agosto deste ano, o time chegou a ficar por nove partidas seguidas sem ser vazado – algo inédito desde 1987, ano do recorde estabelecido de jogos seguidos sem sofrer gol, de 12 partidas intransponíveis (todas com o então goleiro Zetti).

Como consequência de ter ficado por mais uma partida intransponível, o Palmeiras chegou ao 14º jogo de invencibilidade no Campeonato Brasileiro. A série contempla 11 vitórias (Paraná, Vasco da Gama, Vitória, Botafogo, Chapecoense, Atlético-PR, Corinthians, Sport, Cruzeiro, São Paulo e Grêmio) e três empates (América-MG, Internacional e Bahia). A última vez que o time ficou invicto por tantos jogos na competição foi em 2016, ano em que se sagrou campeão brasileiro – foram 15 duelos sem ser derrotado.

Individualmente, Deyverson viu sua estrela brilhar: ele voltou a ser decisivo marcando duas vezes na vitória do Palmeiras sobre o Grêmio. Contratado pelo Verdão em 2017, o camisa 16 tem vínculo firmado com o clube alviverde até 2022 e vem conquistando cada vez mais a confiança da torcida, dividindo o protagonismo da posição de centroavante fixo com Borja (o colombiano não foi relacionado para o duelo deste domingo por estar servindo à sua seleção). Vale lembrar que, recentemente, o jogador marcou o gol da vitória por 1 a 0 contra o Corinthians, no Allianz Parque, e sobre o São Paulo, por 2 a 0, no Morumbi.

Ainda nos aspectos individuais, com a assistência para o primeiro gol de Deyverson, Dudu chegou a 15 assistências na temporada de 2018 (considerando todas as competições), números que fazem do camisa 7 o principal garçom do time, de forma isolada. Apenas nesta edição do Brasileirão, o jogador deixou seus companheiros cara a cara com o goleiro para marcar em dez oportunidades, o que também faz de Dudu o líder em assistências do torneio nacional de forma geral.

Além disso, das 52 bolas na rede que o atacante alviverde acumula desde que chegou ao Alviverde, em 2015, 29 foram válidas pelo Campeonato Brasileiro, fato que credencia Dudu como artilheiro máximo do Verdão na era dos pontos corridos (desde 2003) da competição nacional.

Como se não bastasse, essas 52 bolas na rede de Dudu pelo Verdão também fazem dele o atual segundo maior goleador do Palmeiras neste século. Neste quesito, o Baixinho está perto de se tornar o primeiro, precisando de apenas mais dois tentos para igualar Vágner Love, líder no quesito, que, pelo Maior Campeão do Brasil, balançou as redes adversárias por 54 vezes considerando jogos a partir de 2001.

Willian é outro que possui uma curiosa marca. O camisa 29 segue liderando o posto dentre os jogadores do grupo palmeirense com mais partidas neste ano: são 59 duelos até aqui. Vale lembrar que o atleta é o principal artilheiro do time no torneio nacional, com nove bolas na rede.

E se Willian é o que mais atuou no ano, Lucas Lima, que entrou no lugar do atacante nos minutos finais, segue como o palmeirense que mais atuou neste Campeonato Brasileiro, agora com 26 partidas (de 29 possíveis). Ao todo, o dono da camisa 20 marcou cinco gols nesta edição do Nacional.

Gustavo Gómez também ostenta uma marca interessante. O “zagueiro da sorte” palestino não sabe o que é perder desde sua chegada ao Palmeiras. Até aqui, são 11 partidas disputadas com a camisa alviverde, com sete vitórias (Vasco da Gama, Vitória, Chapecoense, Corinthians, Colo-Colo-CHI, Sport, Cruzeiro, São Paulo e Grêmio) e dois empates (Internacional e Bahia). Figura constante nas convocações da seleção do Paraguai, o jogador pertence ao Milan, da Itália, e está emprestado ao Verdão.

O reencontro com o Pacaembu teve sabor especial para o Verdão: foi o próprio Palmeiras o responsável por inaugurar o estádio. O fato ocorreu em 28 de abril de 1940, quando o time alviverde (à época Palestra Italia) goleou o Coritiba por 6 a 2 válida pelo quadrangular Torneio de Inauguração do Pacaembu, do qual foi campeão após vencer o Corinthians na semana seguinte. Os gols palestrinos na partida inaugural, diante do Coxa, foram anotados por Echevarrieta (3), Luizinho, Elyseo e Sandro. Ao todo, o Maior Campeão do Brasil atuou na cancha em 1124 jogos e acumula 572 vitórias, 302 empates e 250 derrotas, com 2049 gols marcados contra 1314 gols sofridos.

Além disso, conquistas não faltam no estádio municipal: o Verdão ostenta ainda o posto de maior campeão da história do Pacaembu – são 26 títulos no local. Dentre as principais glórias nele obtidas, além do Brasileiro de 1967, conquistado diante do próprio Grêmio, estão ainda outros dois Brasileiros: os de 1960 e de 1994; há ainda os Paulistas de 1940, 1942, 1944, 1950, 1959, 1963 e 1972. O triunfo mais recente aconteceu em 2014, quando o Verdão venceu a Fiorentina por 2 a 1 – gols de Victor Luis e Leandro – e faturou o Troféu Julinho Botelho/Copa Euroamericana.

No Pacaembu, em 2018, o Palmeiras atuou sete vezes (já incluindo este duelo ante o Grêmio), e foi superado uma única vez, com cinco triunfos e um empate. Nos últimos 15 jogos no estádio municipal, o Alviverde acumula 12 triunfos, dois empates e apenas um revés.

Agenda

O Palmeiras volta a campo no próximo domingo (21), às 16h, no próprio Pacaembu, para encarar o Ceará pela 30ª rodada do Brasileirão. Em seguida, o verdão joga pela Conmebol Libertadores, na quarta-feira (24), diante do Boca Juniors-ARG, no estádio La Bombonera.

- Advertisment -