Corinthians é derrotado pelo Guaraní no Paraguai | Folha Paranaense
Corinthians é derrotado pelo Guaraní no Paraguai
06/02/2020 às 09:11

Na noite desta quarta-feira (5), o Timão teve seu primeiro compromisso na Taça Conmebol Libertadores 2020. Diante do Guaraní-PAR, em Assunção, o Timão ficou em desvantagem no confronto de 180 minutos perdendo para a equipe da casa por 1 a 0.

 Foto: © Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

Timão escalado!

O técnico Tiago Nunes escalou o Coringão levando a campo: Cássio; Fagner, Pedro Henrique, Gil, Sidcley; Camacho, Cantillo, Luan, Everaldo, Janderson; Boselli. No banco, estavam à disposição: Walter; Gabriel, Bruno Méndez, Lucas Piton, Richard, Mateus Vital, Madson, Vagner Love e Gustavo.

Primeiro tempo

O início de jogo foi bastante movimentado, com as duas equipes buscando chances de gol. A primeira chegada ao ataque com mais perigo do Timão foi logo aos três minutos, quando Fagner cruzou e Janderson completou de cabeça, mas não pegou em cheio e a bola saiu pela linha de fundo.

Aos sete minutos, os adversários abriram o placar após cruzamento na área do Timão. Aos poucos o Corinthians buscava o caminho do empate. Aos 18 minutos, chegou com perigo em um chute de Boselli por cima do gol. Aos 32, foi a vez de Gil subir de cabeça após cobrança de escanteio, mas a bola foi para fora.

Com 37 minutos, a bola mais perigosa do Alvinegro. Boselli recebeu na entrada da área, tirou do goleiro, mas a bola explodiu na trave direita. Aos 44 minutos a chance caiu nos pés de Everaldo, que recebeu no alto, na grande área e arriscou, mas goleiro fez a defesa.

Mesmo com a desvantagem no placar, Corinthians teve 73% de posse de bola no primeiro tempo, contra 27% do Guaraní e teve sete finalizações contra três do time da casa.

Segundo tempo

A primeira chance do Timão na segunda etapa foi aos nove minutos. Após escanteio, a bola sobrou para Luan, que deu um bom chute em direção ao gol, mas mais uma vez goleiro ficou com ela.

Aos 13 minutos o técnico Tiago Nunes fez as duas primeiras alterações na equipe, saíram Sidcley e Everaldo e entraram Lucas Piton e Mateus Vital. Aos 28, a última mudança, saiu Janderson e entrou o garoto Madson.

Mais tarde, aos 32 minutos uma outra boa chance do Corinthians com Mateus Vital, que aproveitou a sobra de uma bola cruzada e acertou um chute forte, só que por cima do gol.

O Alvinegro ainda criou algumas oportunidades, mas foi derrotado. Agora, precisa vencer na Arena Corinthians por dois gols de diferença para classificar de forma direta ou 1 a 0 para levar a decisão para os pênaltis.

Próximo jogo

Agora o Timão volta o foco para o Campeonato Paulista. Pela 5ª rodada do Estadual, o Coringão recebe na Arena Corinthians a equipe da Inter de Limeira, ás 16h, em busca da permanência da liderança do grupo D da competição.

 

Deixe seu comentário