Paraná tem recorde de casos e óbitos de Covid-19 em um único dia com 841 confirmados e 30 mortes | Folha Paranaense
Paraná tem recorde de casos e óbitos de Covid-19 em um único dia com 841 confirmados e 30 mortes
16/06/2020 às 17:21

O Paraná chegou nesta terça-feira (16) a 841 novos diagnósticos positivos de infectados pelo novo coronavírus e 30 óbitos decorrentes de complicações da doença. São os maiores registros desde o primeiro informe com casos confirmados (12 de março), há 97 dias. O boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde indica um total de 10.557 pessoas infectadas no Paraná e 364 óbitos.

As 30 mortes ocorreram em 12 municípios entre 30 de maio e 16 de junho: Andirá, Cascavel, Congonhinhas, Cornélio Procópio, Curitiba, Guarapuava, Leópolis, Londrina, Pontal do Paraná, Rancho Alegre, Santa Mariana e Sertaneja. Os falecidos são 11 mulheres e 19 homens, entre 56 e 90 anos.

O maior registro é de Cornélio Procópio, no Norte Pioneiro, com nove óbitos, mas decorrente de atraso de envio de informações para o sistema da Secretaria de Estado da Saúde por parte da 18ª Regional de Saúde. As mortes no município foram registradas entre 30 de maio e 15 de junho.

UTI do Centro de Reabilitação do Paraná que tem atendimento exclusivo para pacientes com Covid-19. Foto: Geraldo Bubniak/AEN

As regiões do Estado mais afetadas pelo coronavírus, até o momento, também registraram números expressivos de óbitos. Curitiba e Londrina tiveram 4 novos casos cada e Cascavel 3. As três regionais são as que registram os maiores números de casos e de óbitos no Paraná. Em Curitiba os óbitos ocorreram entre os dias 12 e 13 de junho, em Londrina entre 14 e 16 de junho e Cascavel de 13 a 15 de junho.

RECORDES ANTERIORES – Os recordes anteriores de casos e óbitos num mesmo dia ocorreram na semana passada. No dia 10 de junho foram 22 óbitos e no dia 11 de junho 627 casos. No dia 13 de junho foram 533 casos e 18 óbitos, os segundos registros mais altos até então.

MUNICÍPIOS – Segundo o boletim, 308 cidades paranaenses (77%) têm ao menos um caso confirmado de Covid-19. Alto Piquiri, Altônia, Inajá, Lidianópolis e São Sebastião da Amoreira registraram os primeiros casos nesta terça-feira. Em 111 municípios (27,8%) há óbitos pela doença.

INTERNADOS – São 368 pacientes com diagnóstico confirmado de Covid-19 internados: 262 estão em leitos SUS (113 em UTI e 149 em leitos clínicos/enfermaria) e 106 em leitos da rede particular (39 em UTI e 67 em leitos clínicos/enfermaria). Há outros 885 pacientes em leitos UTI e enfermaria que aguardam resultados de exames. Eles são considerados casos suspeitos de infecção pelo vírus Sars-CoV-2.

LEITOS – Apesar desse cenário, o Paraná ainda mantém taxa controlada de ocupação em Unidades de Terapia Intensiva (UTI) para adultos, atualmente de 58%, e de enfermarias, também para adultos, de 35%.

Em relação a UTIs e enfermarias, os maiores índices de ocupação estão na macrorregião Leste, que vai do Centro-Sul ao Litoral, passando por Curitiba e Região Metropolitana, com taxas de 74% e 41%, respectivamente. A taxa de ocupação de UTIs pediátricas é de 22% e de enfermarias pediátricas de 21%.

RAIO-X – Segundo o boletim epidemiológico, a população economicamente ativa continua sendo a mais impactada pelos casos no Paraná. São 7.552 entre os 10.557 casos (71%) entre pessoas com 20 a 59 anos. Um dado preocupante é a quantidade de crianças e adolescentes que contraíram a doença no Estado. Foram 652 entre zero e 19 anos, correspondente a 6,1%.

TESTES – Os casos têm escalado com mais intensidade nas últimas semanas no Estado em razão do aumento na quantidade de testes. Houve crescimento de 28% no número de casos e de 34% no número de óbitos na comparação das últimas semanas epidemiológicas.

FORA DO PARANÁ – O monitoramento diário da Secretaria da Saúde já registra 133 casos de residentes de fora, sendo dez nas últimas 24 horas. Oito pessoas morreram.

AEN/PR

Deixe seu comentário