Câmara reprova emenda que reduziria salários de vereadores em 50% | Folha Paranaense
Câmara reprova emenda que reduziria salários de vereadores em 50%
24/06/2020 às 15:07

Jaguariaíva – Em sessão realizada nesta terça-feira, 23, a Câmara reprovou por sete votos a cinco uma emenda que reduziria em 50% os subsídios dos vereadores a partir do próximo ano. A proposta de emenda ao projeto de lei nº 18/2020 foi apresentada pelo vereador Rafael de Souza e necessitava de maioria simples para ser aprovada. O subsídio passaria de R$ 6,5 mil para R$ 3,2 mil.

Em sua justificativa, o parlamentar argumentou que, em meio às dificuldades com a queda de receitas causada pela pandemia da Covid-19, era o momento dos vereadores se unirem para amenizar os efeitos da crise. Uma redução de 50% nos subsídios dos parlamentares, a partir da próxima legislatura, permitiria uma economia de mais de R$ 2 milhões aos cofres públicos.

Votaram a favor da redução; Rafael de Souza, Sandra Negrini, Nelson José de Melo (Nelsinho), Mauro Celso da Silva e Juliana Langner. Foram contra a redução; Ademir Silvestre (Miller), Divael Melo, Reginaldo Cordeiro (Nenzo), Wagner Milanezzi, Gilmar Passos, Rodrigo Milek (Baguá) e Alencar Alves de Mello (Samirzinho). O presidente da Câmara, Adilson Passos Felix só votaria em caso de empate, mas também declarou voto contrário.

Sessão presencial, com alguns vereadores participando virtualmente, foi realizada sem a presença de público. Foto: Reprodução/YouTube

‘’Enfrentamos uma das piores crises dos últimos tempos no Brasil e no mundo, onde muitas pessoas perderam a vida e as empresas, que ainda não faliram, estão na ‘UTI’ e com isso  muitos perderão seus empregos. Com a reprovação do projeto da redução de 4 cadeiras no legislativo, me senti na obrigação de encontrar uma alternativa que compensasse os mais de R$ 2 milhões que seriam economizados para os cofres públicos. A solução que encontrei foi a redução dos vencimentos dos parlamentares em 50%. Lamento profundamente que o legislativo tenha reprovado mais essa importante matéria e viva em um mundo paralelo, na contramão da atual realidade dos cidadãos brasileiros” disse o vereador Rafa.

O projeto n° 18/2020 foi aprovado sem a emenda de redução e manterá congelado os salários dos cargos de prefeito, vice-prefeito e vereadores a partir de 2021. Ele seguirá para votação em segundo turno.

Deixe seu comentário