segunda-feira, maio 17, 2021
Início Notícias Regionais Análises da Fiocruz confirmam que variante brasileira do coronavírus ainda predomina no...

Análises da Fiocruz confirmam que variante brasileira do coronavírus ainda predomina no Paraná

A Secretaria de Estado da Saúde recebeu da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) o resultado do sequenciamento genômico de mais 23 amostras do coronavírus. As análises são realizadas com o objetivo de monitorar, reconhecer e definir os grupos genéticos virais que estão circulando nas regiões. Das 23, 19 tiveram resultado genômico para a variante P.1 (brasileira).

Até o momento, foram 322 amostras sequenciadas. Para as variantes de atenção, 99 apresentam resultado para P.1 (brasileira), considerada dominante no Estado, e cinco foram da B.1.1.7 (Reino Unido). Também foram dois casos confirmados de reinfecção, um já divulgado das linhagens B.1.1.28 e P.2, e um novo que teve uma amostra identificada com a linhagem B.1.1.28 e a segunda amostra da variante P.1.

“A análise nacional é acompanhada pelas equipes do Laboratório Central do Estado e da Vigilância Epidemiológica da Sesa, e repassadas para as 22 Regionais de Saúde, que também fazem investigações em suas áreas de abrangência”, explicou o secretário de Estado da Saúde Beto Preto.

“O sequenciamento é fundamental para conhecermos a circulação do vírus, mas para a população fica a recomendação essencial da continuidade das medidas de prevenção, como a utilização de máscara de proteção, a higienização frequente das mãos, com água e sabão ou álcool gel 70%, e evitar aglomerações”, acrescentou.

O estudo divulgado no final de março apontava 46,2% de amostras da linhagem P.1 em 80 coletadas. A primeira análise dessa série, do começo do mês passado, apontava 70,4% de amostras com grande carga viral relacionadas à variante P.1.

Agência Estadual de Notícias

- Advertisment -
- Advertisment - Tersane