sexta-feira, novembro 26, 2021
Início ESPORTES Athletico vence Atletiba com dois gols de Vitinho

Athletico vence Atletiba com dois gols de Vitinho

Quem disse que um clássico precisa de uma atuação perfeita? Nesta quinta-feira (6), o Furacão jogou o Athletiba como todo torcedor gosta de ver. Se doando o tempo todo em busca da vitória. E conquistando três pontos em cima do rival!

Um triunfo que fica marcado pela entrega dos jogadores e por uma apresentação memorável de Vitinho, que entrou no intervalo para definir o placar com dois gols. Um deles, uma obra de arte executada aos 45′ do segundo tempo.

O Jogo

Em campo, estava uma equipe formada por atletas que haviam retornado pouco antes de uma viagem de mais de seis horas desde o Peru. Alguns, como o piá do Caju que decidiu o jogo, haviam jogado uma partida internacional menos de 48 horas antes.

Mas isso não impediu o Furacão de encarar a força máxima do rival com uma postura ofensiva desde o início. Jogando no Caldeirão, foi o Athletico quem tomou a iniciativa a partir do primeiro instante em que a bola rolou.

O placar esteve perto de ser inaugurado no primeiro tempo. Jadson mostrava sua categoria no meio campo. E Carlos Eduardo e Matheus Babi estiveram muito perto da rede.

Mas nada na etapa inicial se compara ao que aconteceu aos 36′. Wilson cortou um cruzamento de Khellven, e Nicolas, de cabeça, colocou de novo na área. Fernando Canesin matou no peito e mandou a bicicleta perfeita. O endereço era o ângulo, mas uma grande defesa do goleiro impediu o gol antológico de se concretizar.

Após o intervalo, o Furacão voltou ao campo ainda mais ofensivo, com Vitinho no lugar de Denner. E logo em sua primeira participação, o jovem atacante fez grande jogada pela esquerda e rolou para o meio, para uma uma bomba de Canesin, que passou muito perto da trave.

Com o Athletico todo no ataque, o Coritiba encontrou espaços para duas boas chances. Mas, aos 13′, Khellven cruzou com perfeição, na cabeça de Vitinho. Wilson ainda tocou na bola, mas ela só parou no fundo da rede: 1 a 0!

Com a vantagem no placar, o Rubro-Negro tentou administrar a vitória. Mas acabou atraindo o rival para seu campo de ataque. Os cruzamentos na área eram a única arma do adversário e em um deles, aos 33′ Waguininho anotou o tento de empate.

Mas toda a raça athleticana não poderia ser em vão. Como na música de Jackson do Pandeiro, esse jogo não pode ser 1 a 1. Precisamente aos 45′, saiu o gol magistral.

Vitinho ainda estava longe da área. Mas percebeu o espaço quando recebeu a bola e dali mesmo, antes da meia-lua, um pouco deslocado para o lado esquerdo, mandou uma pancada de canhota. E ela voou como um cometa, direto para o ângulo, sem nenhuma possibilidade de defesa!

Esse triunfo é do Time da Raça. É “encarnado e preto”! É rubro-negro para sempre.

- Advertisment -