domingo, novembro 28, 2021
Início ESPORTES Athletico Paranaense conquista o bicampeonato da Sulamericana

Athletico Paranaense conquista o bicampeonato da Sulamericana

O Athletico Paranaense conquistou o título da CONMEBOL Sudamericana 2021 neste sábado com uma vitória de 1-0 sobre o Red Bull Bragantino em Montevidéu, tornando-se a primeira equipe brasileira a ganhar o bicampeonato. 

Nikão marcou o único gol do jogo aos 29 minutos no renovado estádio do Centenário, onde menos de 20.000 espectadores se encontravam na sua maioria espalhados pela arquibancada olímpica.

O grande espetáculo começou com uma atuação dos Barões da Pisadinha, o popular grupo brasileiro que ofereceu dança e canto a pelo menos 20.000 pessoas presentes, numa jornada espetacular de primavera uruguaia.

A partida começou com ‘Braga’, dono da posição da bola, mas foi o ‘Furacão’ que mais agiu e decretou nos metros finais.

Com o uruguaio David Terans a liderar o ataque, o Paranaense encontrou a rede depois de um rebote na área que foi tomado espetacularmente por Nikão, a estrela do jogo, que com uma pirueta colocou o 1-0.

Após o gol, o Athletico assumiu o controle do jogo, ante o desconcerto do ‘Braga’, que tentou digerir o golpe e assentar, mas apenas no segundo tempo.

Determinado a buscar o empate, o Red Bull Bragantino queimou seus últimos minutos em vão, porque careceu de peso ofensivo. O ‘Furacão’ nem se incomodou e contentou-se com a vantagem mínima que lhe valeu a sua segunda Grande Conquista nesta competição.

– Números do jogo –

  • Athletico Paranaense ganhou a sua primeira partida numa final da Libertadores ou Sudamericana. Em 2005, empatou em casa e perdeu na final da Libertadores. Em 2018, igualou nas duas partidas de final da Sudamericana e ganhou o título nos pênaltis.
  • Nas três finais da CONMEBOL Sudamericana disputadas num único jogo, o time que marcou o primeiro gol da partida acabou ficando com o título.
  • Athletico Paranaense venceu 11 jogos na sua campanha vitoriosa da CONMEBOL Sudamericana 2021. Esta é a maior vitória de uma equipE numa única temporada do torneio na história.
  • Athletico Paranaense foi bem sucedido nas suas últimas nove fases eliminatórias da CONMEBOL Sudamericana. A equipe brasileira conseguiu passar as seis fases eliminatórias na edição de 2018 e as quatro fases em 2021, ganhando o título em ambas as edições.
  • Nikão é o 15º jogador brasileiro a marcar numa final da CONMEBOL Sudamericana, e o segundo jogando pelo Athletico Paranaense. O outro foi Pablo, que marcou ambos os gols para o Furacão no jogo decisivo da edição de 2018.
  • Nas três últimas edições em que participou (2015, 2018 e 2021), o Athletico Paranaense foi ganhando após o intervalo em 15 jogos e não perdeu nenhum (14V 1E). Na final desta tarde, também conseguiu chegar ao intervalo no topo e vencer a partida.
  • Athletico Paranaense é a primeira equipe brasileira a ganhar dois títulos da CONMEBOL Sudamericana (2018 e 2021). O Furacão tornou-se a terceira equipe a ganhar duas vezes o título do torneio, igualando com o Independiente e o Boca Juniors, ambos da Argentina.
  • O Athletico Paranaense é o quinto time com mais vitórias na história da CONMEBOL Sudamericana (28). Os campeões reinantes ganharam 57,1% dos seus jogos na competição.
  • Nikão ganhou o seu 20º jogo da CONMEBOL Sudamericana, todos com o Athletico Paranaense. É o quinto jogador com o maior número de vitórias na competição e o maior número de vitórias na competição junto com Fabricio Bustos (20) do Independiente.
  • Athletico Paranaense teve 36,6% de posse na final da CONMEBOL Sudamericana contra o Red Bull Bragantino. Foi a sua posse mais baixa em todo o torneio. São os campeões a ganhar o título nos 90 minutos com a posse mais baixa na final desde pelo menos 2013.
  • Red Bull Bragantino foi a quinta equipe brasileira a perder uma final da CONMEBOL Sudamericana (Fluminense, Goiás, Ponte Preta, Flamengo). Com a peculiaridade de que, nesta final, outra equipe da mesma nação ter emergido como campeã.
- Advertisment -