Furacão vira o jogo e atropela Chapecoense na estreia do Brasileirão

16/04/2018 9:52 am0 comentários
O Furacão começou bem o Campeonato Brasileiro. Na noite deste domingo (15), o Atlético Paranaense recebeu a Chapecoense, na primeira rodada da competição e venceu por 5 a 1. Os gols foram marcados por Pablo, Nikão, Thiago Carleto, Matheus Rossetto e Ederson. Wellington Paulista fez para os visitantes.
O próximo desafio atleticano será pela Copa do Brasil. Na quinta-feira (19), o Furacão encara o São Paulo, no Morumbi, pelo jogo de volta da quarta fase. Como venceu por 2 a 1, em Curitiba, o Rubro-Negro precisa de um empate para avançar.
O jogo
Na primeira etapa, o Furacão pressionou o time catarinense, que apostou na forte marcação para segurar o time rubro-negro.
A primeira boa chance do Furacão veio aos 13 minutos. Carleto cobrou falta cruzada, direto no gol. Jandrei espalmou, a bola bateu em Ribamar e voltou para o goleiro.
A única jogada de perigo da Chapecoense veio aos 28 minutos. Wellington Paulista recebeu na direita e bateu cruzado, na rede pelo lado de fora.
O Rubro-Negro voltou ao ataque aos 31 minutos. Carleto avançou pela esquerda e cruzou na segunda trave. Ribamar pegou de primeira, mas a bola foi à esquerda de Jandrei. Dois minutos depois, Nikão finalizou rasteiro e o goleiro fez a defesa.
No segundo tempo, a Chapecoense abriu o placar. Aos dois minutos, após cobrança de falta da esquerda, Wellington Paulista desviou de cabeça e marcou.
Mas o Furacão reagiu rápido e empatou quatro minutos depois. Carleto cruzou da esquerda, na medida para Pablo, que subiu bem e mandou de cabeça, no alto. 1 a 1.
A virada veio aos 12 minutos, novamente com jogada pela esquerda. Carleto mandou na área e a defesa afastou. Nikão aproveitou o rebote, pegou de primeira e deixou o Rubro-Negro na frente.
Mesmo com a vantagem no placar, a equipe seguiu no ataque e marcou o terceiro gol aos 22 minutos. Em cobrança de falta na entrada da área, Carleto mandou por fora da barreira e ampliou. 3 a 1.
Mas ainda deu tempo para o Atlético Paranaense fazer mais dois gols. Aos 42 minutos, Jonathan cruzou para Rossetto, que dominou no peito, driblou o zagueiro e tocou no canto do goleiro.
Cinco minutos depois, Raphael Veiga arrancou e lançou para Ederson. O artilheiro do Campeonato Paranaense dominou e tocou na saída de Jandrei, dando números finais ao jogo.
Ficha técnica: Atlético Paranaense 5×1 Chapecoense
Campeonato Brasileiro: 1ª rodada
Data: 15/04/2018 [domingo]
Horário: 19h
Local: Estádio Joaquim Américo, em Curitiba
Árbitro: Dewson Fernando Freitas da Silva (FIFA-PA)
Auxiliares: Helcio Araujo Neves (CBF-PA) e Heronildo S Freitas da Silva (CBF-PA)
Quarto árbitro: Luis Diego Nascimento Lopes (CBF-PA)
Público pagante: 8.395
Público total: 9.258
Renda: R$ 130.015,00
Atlético Paranaense: Santos; Bruno Guimarães, José Ivaldo e Esteban Pavez; Jonathan, Camacho, Matheus Rossetto e Thiago Carleto; Nikão (Raphael Veiga, aos 45’ do 2º T), Pablo e Ribamar (Ederson, aos 10’ do 2º T).
Técnico: Fernando Diniz
Gols: Pablo, aos 6’ do 2º tempo; Nikão, aos 12’ do 2º tempo; Thiago Carleto, aos 22’ do 2º tempo; Matheus Rossetto, aos 42’ do 2º tempo e Ederson, aos 47’ do 2º tempo.
Cartão amarelo: José Ivaldo
Chapecoense: Jandrei; Apodi (Eduardo, aos 37’ do 2º T), Thyere, Douglas e Bruno Pacheco; Márcio Araújo (Guilherme, aos 31’ do 2º T), Amaral, Canteros e Vinícius (Nadson, aos 21’ do 2º T); Arthur Caike e Wellington Paulista.
Técnico: Gilson Kleina
Gol: Wellington Paulista, aos 2’ do 2º tempo
Cartões amarelos: Thyere, Wellington Paulista, Márcio Araújo