Incêndio destrói Casa da Cultura de Arapoti | Folha Paranaense
Incêndio destrói Casa da Cultura de Arapoti
21/11/2017 às 20:11

Arapoti – Uma parte da história de Arapoti se foi no início da noite desta terça-feira, 21, com as labaredas que consumiram a antiga estação ferroviária Cachoeirinha e que, até hoje, abrigava a Casa da Cultura. Segundo o Corpo de Bombeiros, o incêndio começou por volta das 19h e em 15 minutos destruiu totalmente a combalida estrutura, vítima do descaso das autoridades públicas municipais, que se mostraram insensíveis a preservação da história da cidade.

A Polícia Militar (PM) trabalha com a hipótese inicial de incêndio criminoso. As equipes do Corpo de Bombeiros e a Polícia Civil realizarão a investigação para confirmar as causas do incidente. A realidade é que o local estava abandonado pelo Poder Público já há algum tempo e era frequentado por usuários de drogas e moradores de rua. A comunidade arapotiense clamava pela restauração do patrimônio histórico e cultural de Arapoti.

O Comandante do Corpo de Bombeiros, Sargento Paulo Sérgio Gualdezi, disse que ainda é muito cedo para tirar conclusões sobre a causa do incêndio. “Não dá para confirmar nada ainda, mas existem algumas especulações que existia um pessoal ocupando o local de forma irregular” afirmou. Segundo ele, o incêndio se alastrou rapidamente, pois se trata de uma madeira muito antiga. “É uma madeira muito seca e qualquer fagulha, mesmo com a chuva, poderia causar um incêndio” disse o sargento, complementando que só uma investigação poderá atestar a causa do incidente.

Vários cidadãos e curiosos se avolumaram ao redor, mesmo debaixo da forte chuva, para acompanhar as chamas destruírem a histórica edificação. Muitos se emocionaram. “Eu nasci e me criei em volta desta estação. Aqui era o lugar onde a gente brincava e via o trem passar. Ver esse incêndio é como se você estivesse perdendo um ente querido. As nossas autoridades vão ter que dar um esclarecimento para a população” disse o cidadão Carlos Alberto Santos.

 

 

Deixe seu comentário